Rentabilidade e lucratividade: as vantagens que você precisa conhecer da franquia Onodera

Rentabilidade e lucratividade: as vantagens que você precisa conhecer da franquia Onodera

Cada vez mais o setor de franquias é escolhido por pessoas que desejam investir e alcançar a independência financeira. A popularização não é mera coincidência. Os índices de rentabilidade e lucratividade nesse setor são, de fato, mais expressivos. Só na rede de franquias Onodera, por exemplo, a lucratividade atinge a casa dos 20%, tornando-se um negócio sólido e seguro.

Os benefícios do ramo de franchising

Mas não são só esses os benefícios de se optar pelo ramo de franchising. Ao abrir uma franquia, você tem a possibilidade de usufruir de todo o know how e prestígio já alcançado pela marca, o que é meio caminho andado para o sucesso do negócio. No caso da Onodera,  já são quase 40 anos de história e atuação em diversos estados do Brasil. 

“Antes, a estética era vista como algo para a elite”, explica Lucy Onodera, CEO da rede, em entrevista ao Estadão. “Então, desde minha mãe, que fundou a Onodera, conseguimos ajudar a democratizar esse mercado”. Assim, todo o know how e outros conhecimentos adquiridos ao longo de vários anos são compartilhados com o investidor que opta pela rede de clínicas de estética que mais cresce no país.

Mais do que rentabilidade e lucratividade – estabilidade

Além de assegurar uma boa rentabilidade e lucratividade, investir em franchising possui outros atrativos que tornam o mercado tentador. Segundo a ABF (Associação Brasileira de Franchising), 60% das novas empresas brasileiras não sobrevivem até o quinto ano de negócio. Quando consideramos, por outro lado as franquias, esse número cai para apenas 15%.

Mais do que isso, quando consideramos o nicho de beleza, os resultados também são animadores. “O mercado de estética sempre cresce, inclusive em momentos de crise”, comenta Lucy. E explica: “Isso se chama mercado de indulgência, que é justamente quando a pessoa economiza dinheiro num momento de crise e o gasta em outros produtos ou serviços, geralmente de valor agregado”. É por isso que, embora com uma economia atual morna, as franquias de estética fecharam o primeiro semestre de 2019 com quase 8% de crescimento.

Como manter a rentabilidade e lucratividade da franquia?

Ainda assim, os riscos não são nulos. Por mais que as franquias, principalmente do ramo de beleza e estética, sejam exemplos de rentabilidade e lucratividade, é preciso que o investidor esteja atento à gestão da própria unidade, assegurando, sempre em parceria com o franqueador, a saúde da marca, que beneficia a todos. Por isso, a Onodera separou alguns elementos importantes que você precisa estar de olho na hora de botar mãos à obra e tocar seu próprio negócio.

1. Alinhamento com a marca

Quando investimos num novo negócio, sempre temos nossos próprios objetivos. É preciso que esses pontos estejam muito bem definidos também com as metas da franquia escolhida. É por isso que a Onodera realiza  reuniões de alinhamento com os candidatos antes de iniciar os trâmites legais. 

“A gente avalia qual é o perfil do franqueado, marcamos reuniões com ele e o time da franqueadora e, por fim, o candidato entra em contato com outras franquias para conhecer a rede passa por uma série de treinamentos”, explica Lucy ao Estadão. Isso assegura que os dois lados da moeda estejam em sintonia, trabalhando juntos em harmonia. 

2. Dedicação total

“É preciso cuidado com a promessa de ficar rico em pouco tempo”, alerta Lucy na Feira do Empreendedor 2019. Segundo a CEO da Onodera, empreender requer dedicação 24 horas por dia, e a pessoa não pode ter medo de colocar a mão na massa, principalmente no primeiro ano de negócio. 

Então, para que tudo dê certo e você alcance níveis estáveis, é preciso que seja muito bem compreendido que, no primeiro ano, a franquia precisa de cuidados e atenção específica, até que venha a dar frutos: o prazo para retorno da Onodera, por exemplo, é de no mínimo 18 meses. Até lá, quanto mais próximo você estiver dos negócios, mais se certificará de que tudo sairá como o planejado. 

“Depois da reunião de perfil de candidato com a equipe de expansão, eu costumo entrar e fazer a contra venda”, brinca Lucy ao Estadão. “Então eu digo todos os problemas que a pessoa pode ter e todos os desafios até formar uma equipe legal e descansar. Isso porque no primeiro ano, o franqueado deverá ter dedicação total à franquia”.

3. Funcionários capacitados

Grande parte da dedicação exclusiva à franquia nos primeiros momentos de vida do negócio tem como motivo a busca pela equipe perfeita. 

Os funcionários são a base de toda franquia, e o cliente quer se sentir, além de bem atendido, seguro em relação à capacitação de quem o atende. É por isso que a Onodera, antes, durante e após a inauguração da unidade busca manter toda a equipe atualizada por meio de treinamentos e capacitações. Tal cuidado repercute na maior de todas as divulgações: o boca a boca. Um bom serviço resulta em recomendações e indicações dos próprios clientes, cultivando uma boa reputação, alavancando o negócio – o contrário disso, como podemos imaginar, pode ser fatal

Ainda tem alguma dúvida sobre como a Onodera é a melhor opção para inovar na carreira e se aventurar em outras áreas com segurança, rentabilidade e lucratividade? Então baixe já gratuitamente nossos materiais e conheça ainda mais sobre a rede de franquias de beleza e estética que mais cresce em todo o Brasil!

Deixe uma resposta

Fechar Menu